Um ano depois…

E pronto, mais um capítulo do nosso livro da vida terminou, o mesmo se diz do meu blog que completa agora um ano de existência… Foi exactamente há 1 ano que decidi tomar a iniciativa de o criar e com ele imensa coisa partilhar, tornar públicos inúmeros pensamentos e poder inspirar outras pessoas a serem felizes.

2016 também está a chegar ao fim, este ano muito especial que tem mais um dia do que a maioria e que me ensinou a ser forte, independente e a lutar. Ao longo do ano, vivi muitas emoções, desde zangas a alegrias, mas todas com um desfecho feliz. Contudo, o melhor que tenho a reter deste ano é que devemos aprender com os todas as situações da vida, aprender que nem sempre ela corre como nós a planeamos e a não baixar os braços. Porque é impossível fazer um plano do tempo futuro, dado que ele é o resultado de acções de mil milhões de coisas que existem à nossa volta. Devemos, por outro lado, assimilar o que há de melhor e dar sempre uma oportunidade ao universo para nos mostrar o caminho certo a seguir.

Adicionalmente, gostava de chamar a atenção para alguns exemplos de situações que nos apanharam um pouco de surpresa (ou talvez não), tal como a saída do Reino Unido da União Europeia, mais concretamente a sua decisão de saída, foi sem dúvida algo que nos chocou bastante, ou pelo menos a mim. É como se os Britânicos tivessem escolhido se afastarem da paz, da segurança e dos acordos que a UE criou. O mesmo se diz da votação para a eleição do Trump, um candidato arrojado, mas que no fim provou que o poder de sonhar se impõe a tudo o resto. Igualmente, o nosso presente “Primeiro Ministro”, digo-o entre aspas porque não foi eleito democraticamente, não foi escolhido, mas que através de ligações hipócritas com outros partidos, conseguiu alcançar o poder. A meu ver, isto é nada mais, nada menos que o poder e dinheiro a subir à cabeça do homem, uma atitude nada altruísta e um péssimo perder. António Costa, o homem que conseguiu ser o “líder” de um país, sem de facto o ser, porque de líder não tem nada. Ele provou-nos que a vontade humana até passa por cima das leis, meios e maneiras só para chegar a um fim. Os outros coitados vão atrás e submetem-se ao que ele dita e quer.

Enfim, estes são apenas pequenas ilustrações, pois temos ainda o agravamento da guerra na Síria, que este ano alcançou proporções catastróficas, e arrastou para o nosso continente europeu, um conflito que não nos diz respeito, mas que ao mesmo tempo cabe a nós ajudar, pois a nossa paz é para dar e vender! Chamem o que quiserem aos “ricos” da Europa, que lutaram para acabar com as guerras, mas a verdade é que todos cá querem viver… No entanto, a maioria das pessoas que é apanhada no meio dessa confusão não tem culpa, são inocentes e só procuram as mesmas oportunidades, o que eu entendo perfeitamente, e se o mundo fosse justo também o entenderia. Mas, infelizmente, não o é…

Agora, as coisas positivas deste ano que passou são sem dúvida merecedoras de enaltecimento, tal como os Portugueses no Europeu de Futebol, não que seja algo mais merecedor da nossa atenção, mas trouxe de facto alegria às casas portuguesas, trouxe um novo brilho nos olhos e permitiu unir-nos enquanto nação. Depois, a eleição do nosso espectacular Presidente da República, definitivamente merecedor de destaque, a nossa esperança de que tudo ficará bem.

Finalmente, quero agradecer por este ano magnífico a todas as pessoas que o tornaram especial, a todos os que seguiram o meu blog, a todos os meus amigos e amigas que estiveram lá para o tornar especial, a todas as novas pessoas que conheci no caminho, a minha família linda, aos mais próximos e que me apoiaram, aos meus animais de estimação, e, por fim, ao mundo por nos permitir ser felizes… Um Grande Obrigada 2016!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s